Compartilhe e ajude!

[box]10 mil estudantes devem ser beneficiados pelo programa neste ano. Até agora, 2 mil livros foram doados e entregues[/box]

Presentear alguém com um livro é um ato muito comum e afetivo entre pessoas que apreciam a leitura. Mas você já pensou em presentear um aluno que talvez nunca tenha ganhado um livro e que, muitas vezes, só tem acesso à literatura na própria escola? Foi pensando nisso que quatro capixabas criaram, em 2014, um programa de distribuição de livros para estudantes de escolas públicas localizadas em regiões de risco social do país. A partir de doações de pessoas físicas ou empresas, eles entregam, nas unidades convidadas, dois livros para cada aluno. Desde o ano passado, quando começou a receber as doações, o 1BOOK4LIFE já presenteou cerca de mil estudantes no Brasil.

Um dos idealizadores do projeto, o empresário Daniel Herkenhoff conta que o programa é pensado para despertar nas crianças o prazer da leitura e fornecer a elas o acesso à maior quantidade de livros possíveis. “Por isso, as crianças de uma mesma escola recebem livros diferentes e podem trocar entre si”, explica. Os livros são doados para os alunos e podem ser levados para casa. “Isso faz muita diferença para eles. É indescritível vê-los receber um exemplar com cheiro de novo e folhear as páginas”, conta.

Também fazem parte do projeto o professor universitário aposentado Stélio Dias, o empresário Mário Herkenhoff, pai de Daniel, e o oficial de Justiça Geraldo Herkenhoff, tio de Daniel.

COMO DOAR

Ao escolher uma escola para ser beneficiada, o projeto garante que todos os alunos receberão dois livros cada um. Para fazer uma doação, basta acessar o site (www.1book4life.com) e escolher quantos estudantes quer beneficiar. O sistema define qual escola receberá a doação e os livros a serem comprados. Então, basta fazer o pagamento, e, quando todos os alunos da unidade tiverem sido contemplados, a editora parceira faz a entrega. O valor de uma doação, com dois livros, é de cerca de R$85,00. Para as empresas, a doação deve ser feita para toda a escola.

No Espírito Santo, três unidades já foram beneficiadas pelo projeto, em Vitória e em Ecoporanga. Também houve entregas em Minas Gerais, Rio de Janeiro e Mato Grosso.

Neste ano, o projeto pretende contemplar 10 mil alunos. Em 15 anos, a meta é chegar a 2,3 milhões de estudantes em escolas de regiões de risco, definidas com base no IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) dos municípios e do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) das escolas.

Mude uma vida agora mesmo!

Você tem o poder de mudar o futuro do Brasil

Faça uma criança ter um futuro mais promissor. Ajude um aluno a se apaixonar pela leitura hoje mesmo!

Faça a diferença!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress spam blocked by CleanTalk.